Refletindo sobre sua Roda da Vida

Quando pensamos em um processo de Coaching, qualquer que seja a metodologia, estamos pensando em encontrar um caminho para ir do estado atual ao estado desejado. E isso vale tanto para o Coaching de vida, como profissional ou mesmo forma física.

Então, definir em que estágio estamos nesse momento em relação a nossa meta é muito importante. É como um aparelho de GPS interno, onde precisamos definir onde vamos, mas também onde estamos, caso contrário não será possível encontrar o melhor caminho.

A Roda da Vida

E para entender onde o cliente está, uma das técnicas clássicas do Coaching é a Roda da Vida. É importante entendermos nossa vida como um sistema complexo, em que uma área pode e afeta todas as outras, assim como o ambiente ao nosso redor, nosso comportamento, nossas crenças e identidade.

A técnica busca definir como o cliente se sente em relação a vários aspectos de sua vida, encontrar pontos de possível necessidade de ajuste de crenças, gerar insights e pensar em ações simples que possam fazer diferença no todo. Para preencher, pinte os espaços de cada área em uma escala de 0 a 10.

Como avaliar a Roda da Vida

Uma maneira simples de fazer essa reflexão é listando em uma folha de papel grandes áreas da vida, deixando algumas linhas entre um e outro item: saúde ou disposição, desenvolvimento pessoal, carreira ou desenvolvimento profissional, recursos financeiros, hobbies e diversão, família, relacionamento amoroso, vida social e espiritualidade. Para cada item responda as seguintes perguntas:

  • Faça uma definição do que é esse item para você, seus vários aspectos, se o item afeta outros.
  • Atribua uma nota entre 0 (ausente-ruim) e 10 (intensamente presente-excelente), de maneira mais intuitiva, para como está nesse momento essa área.
  • O que de mais importante o item tem que está influenciando na nota dada?
  • Se necessário, qual seria a nota maior ideal para o item?
  • Como você se agirá e se sentirá, física e mentalmente, se essa nota maior for a realidade?
  • O que você poderia fazer a partir de hoje para começar a caminhada em direção dessa realidade melhorada? Lembre-se de escolher algo simples e fácil de fazer, pois tem que ser confortável para mente que não é adepta de mudanças radicais. É como, por exemplo, iniciar uma atividade física via caminhadas em um parque e não aulas diárias de exercícios de alta intensidade.

Surpresas agradáveis

No consultório, observo que muitos clientes percebem que têm uma vida mais gratificante do que imaginavam, ou mesmo que as ações para melhorar um aspecto específico são simples. Melhorar um único aspecto gera a melhoria do todo, pois nossa mente generaliza e amplia essa melhora.

A técnica também funciona como um gatilho para as mentes consciente e inconsciente passarem a criar maneiras de fechar a distância entre estados atual e desejado.

Então, vamos descobrir onde estamos nesse mapa da vida?

1 comments On Refletindo sobre sua Roda da Vida

Comments are closed.

Site Footer

Sliding Sidebar

ROSANE SAMPAIO

ROSANE SAMPAIO

Especialista em coaching pessoal, profissional, executivo e de equipes. Palestrante, analista comportamental e hipnoterapeuta, com qualificação de practitioner em Programação Neurolinguística.